Farc elege seis porta-vozes para representá-los no Congresso colombiano

Bogotá, 14 dez (EFE).- As Farc elegeu seus seis representantes, entre eles uma sobrevivente do partido de esquerda União Patriótica (UP), que irá representá-los no Congresso colombiano em onde se discutirão os projetos de lei para implementar o acordo de paz, informaram na quarta-feira os veículos de imprensa locais.

No Senado estarão Jairo Estrada Álvarez, Pablo Cruz e Judith Maldonado, enquanto na Câmara, Francisco Tolosa, Jairo Rivera e Imelda Daza, mas não possuem direito a votos nas sessões.

O primeiro debate que participarão, na próxima semana, será o da anistia, apresentado na terça-feira pelo governo ao Congresso e que iniciou a implementação do acordo de paz assinado pelo governo colombiano e a guerrilha, em Bogotá, no dia 24 de novembro.

Os escolhidos atuarão em nome do Movimento Cidadão Vozes de Paz, partido político de origem nacional, que visa impulsionar o acordo de paz e em "particular o trânsito das Farc-EP ao partido ou movimento político legal" e que amanhã se inscreverá na secretaria do Conselho Nacional Eleitoral.

Os representantes das Farc no Congresso, como determinado pela guerrilha, são membros da sociedade civil sem antecedentes criminais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos