ONU dá um dia a mais para pactuar extensão de sua missão no Sudão do Sul

Nações Unidas, 16 dez (EFE).- O Conselho de Segurança da ONU prorrogou nesta quinta-feira por um dia o mandato de sua missão no Sudão do Sul (UNMISS) a fim de dar um pouco mais de tempo para pactuar uma verdadeira extensão da operação.

Ainda divididos, os membros do Conselho de Segurança aprovaram por unanimidade esta prorrogação temporária para evitar que a missão tivesse que parar seu trabalho, visto que seu mandato expirava nesta quinta-feira.

Os 15 países estão há semanas negociando com base em uma proposta dos Estados Unidos para estender por mais um ano a operação.

No entanto, foram encontradas muitas dificuldades para conseguir um acordo devido a reservas de vários países, incluindo os africanos e outros como a Rússia, a alguns dos pontos da minuta americana.

Está previsto que as negociações sobre a resolução continuem nas próximas horas e que haja um novo voto nesta sexta-feira.

Depois da independência do Sudão em 2011, o Sudão do Sul está imerso na violência desde que em dezembro de 2013 o presidente, Salva Kiir, denunciou uma tentativa de golpe de Estado liderado por seu rival Riek Machar.

Embora ambos tenham feito um acordo de paz em agosto de 2015, a tensão voltou a explodir há alguns meses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos