Trump nomeia congressista conservador para escritório de orçamento

Washington, 17 dez (EFE).- O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, nomeou o congressista republicano pela Carolina do Sul Mick Mulvaney, um promotor conservador crítico aos aumentos do déficit, como diretor do Escritório de Gestão de Orçamento da Casa Branca.

Mulvaney será o responsável por elaborar a estratégia orçamentária do governo e também terá que convencer o Congresso a aprovar as contas e as prioridades de despesa escolhidas por Trump, assim como a política fiscal do presidente eleito.

O republicano, de 49 anos, chegou ao Congresso em 2010, apoiado pelo movimento ultraconservador do Tea Party, que fez da disciplina fiscal e da redução da despesa dois de seus principais mantras.

Mulvaney, além disso, é um membro do instransigente Freedom Caucus, um grupo de republicanos mais conservadores que se opõem a qualquer aumento da despesa orçamentária.

A nomeação para o Escritório de Gestão do Orçamento deve ser confirmada pelo Senado, onde Mulvaney não conta com muitos aliados.

Trump terá a difícil tarefa de modificar a estratégia orçamentária de Barack Obama e transformar em números suas inúmeras promessas eleitorais. Entre elas está a revogação da reforma de saúde do atual presidente, o Obamacare, além de um complexo programa de investimento em infraestrutura.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos