Ataque das forças do Leste da líbia sobre Benghazi mata 4 pessoas

Trípoli, 18 dez (EFE).- Pelo menos quatro milicianos islamitas morreram e mais cinco ficaram feridos em bombardeios da aviação afim ao Khalifa Hafter, homem forte do leste de Líbia, sobre o bairro de Ganfuda, no coração de Benghazi, cenário de combates há semanas.

Fontes do grupo Majlis el Shura, que defende a cidade, assinalaram que os aviões de combate pertenciam a uma força estrangeira e que descarregaram seus projéteis sobre um prédio.

"Respondemos ao ataque com um bombardeio de artilharia contra uma posição de engenheiros das forças de Al Karama (Dignidade)", nome com o qual Hafter batizou sua ofensiva quando em maio de 2014 levantou o cerco a Benghazi.

No bairro de Ganfuda, conhecida como "a Aleppo líbia" estão cercadas cerca de 170 famílias que vivem sem luz, sem água, sem alimentos frescos e sob combates e bombardeios contínuos há mais de três meses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos