Polícia croata resgata 62 refugiados prestes a morrer asfixiados em furgão

Zagreb, 18 dez (EFE).- Sessenta e dois refugiados do Afeganistão e do Paquistão, a maior parte deles apresentando sintomas de asfixia e hipotermia, foram resgatados na noite de sábado em um furgão parado pela polícia da Croácia em uma estrada que liga Belgrado, capital da Sérvia, a Zagreb.

"Os imigrantes estavam intoxicados por monóxido de carbono. Alguns deles, inclusive, já tinham perdido a consciência", disse à emissora local "HRT" a diretora do Instituto de Medicina Urgente, Maja Grba Buljevic, um dos locais que atendeu os refugiados.

Do total, 42 seguem hospitalizados, entre eles três crianças. Nenhum dos refugiados tinha se alimentado nos últimos cinco dias. Quatro pessoas estão em estado crítico e outro teve que ser operado, mas nenhum deles corre risco de morrer.

Os agentes pararam o veículo que levava os imigrantes na noite de sábado. O carro tinha placa estrangeira e passava perto de Novska, a cerca de 100 quilômetros de Zagreb. Ao verificar o compartimento de carga, eles encontraram os refugiados, muitos já desmaiados.

Foram enviadas 22 ambulâncias ao local, que levaram os feridos a hospitais de cinco municípios próximos.

Segundo o jornal "24sata", o motorista do veículo aproveitou um vacilo dos agentes para fugir.

Apesar do fechamento oficial das fronteiras na chamada Rota dos Bálcãs, os traficantes de pessoas seguem transportando centenas de refugiados por dia, usando métodos cada vez mais perigosos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos