Reino Unido condena ataque "covarde" contra embaixador russo na Turquia

Londres, 19 dez (EFE).- O ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Boris Johnson, condenou nesta segunda-feira o ataque "covarde e desprezível" ao embaixador russo na Turquia, Andrey Karlov, que morreu após ser baleado no centro de Ancara.

"Estou comovido após ter sido informado do desprezível assassinato do embaixador russo na Turquia. Meus pensamentos estão com sua família", disse o chefe da diplomacia britânica em mensagem divulgada por meio das redes sociais.

Johnson condenou o "covarde ataque" sofrido por Karlov, que foi morto durante uma visita a uma exposição de fotos na capital turca.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia confirmou a morte de Karlov. Depois de ser baleado, o diplomata foi levado com urgência a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Moscou considerou o ataque como um "atentado terrorista".

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, recebeu a notícia do ataque durante um discurso no parlamento. Antes mesmo da confirmação da morte do embaixador, May interrompeu a declaração para citar o fato aos colegas na Câmera dos Comuns.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos