Ataque do EI na Síria mata 4 soldados turcos

Ancara, 21 dez (EFE).- Pelo menos quatro soldados turcos morreram e outros 15 ficaram gravemente feridos nesta quarta-feira em um ataque do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) contra tropas turcas perto da cidade síria de Al Bab, no norte do país.

Fontes militares citadas pela agência "Dogan" informaram que os combatentes do EI atacaram pela manhã uma área onde estava estabelecido um hospital de campanha, mas outra fonte das Forças Armadas disse à agência "Anadolu" que não existia hospital no local.

As tropas turcas estão apoiando os combatentes do Exército Livre Sírio (ELS) em uma ofensiva lançada no final de agosto com o objetivo de expulsar o EI e às milícias curdo-sírias do norte da Síria. Desde o início da operação, o Exército da Turquia sofreu mais de 20 baixas por causa de ataques do grupo jihadista.

O jornal turco "Hürriyet" informou que os hospitais das províncias turcas de Gaziantep e Kilis, na fronteira com a Síria, ativaram o alerta e receberam os soldados mortos e feridos. Segundo o jornal, depois do ataque do EI, aconteceu um enfrentamento no qual vários membros do grupo terrorista morreram.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos