Damasco interrompe fornecimento de água por suposto ataque a suas fontes

Cairo, 24 dez (EFE).- As autoridades de Damasco interromperam o fornecimento de água potável na cidade devido a um ataque perpetrado pelos rebeldes contra as fontes de água da capital síria e seus arredores, informaram neste sábado fontes oficiais.

A Instituição síria de Água Potável e Residuais de Damasco afirmou que os "os terroristas" atacaram as fontes de água que abastecem a capital, segundo um comunicado postado em seu site.

Os ministérios de Recursos Hídricos e Administração Local, assim como as autoridades da província de Damasco e periferia da capital estão utilizando fontes de reserva e dizem que "a situação melhorará nos próximos dias".

O diretor da instituição, Mohamad al Shiah, disse à agência oficial "Sana" que os bairros da capital serão abastecidos com água "de forma equitativa e justa" até que se possa voltar a usar as principais fontes de água.

Além disso, fontes citadas pelo Observatório Sírio de Direitos Humanos disseram que as provisões de água que provêm por encanamentos desde a zona Wadi Barda foram interrompidas.

A ONG disse que o regime acusou os rebeldes de contaminar a água "com diesel e outros materiais", embora explicou que as facções opositoras negaram e asseguraram que o regime inventa essas "alegações" para justificar suas operações militares contra aldeias e localidades em Wadi Barda.

Nessa região, pelo menos 9 pessoas morreram por projéteis e barris explosivos lançados desde helicópteros contra aldeias nas ultimas horas, segundo o Observatório.

Os helicópteros, não identificados pela ONG, lançaram pelo menos 60 barris contra as aldeias de Wadi Barda, onde há enfrentamentos entre as forças governamentais e as facções rebeldes e islâmicas.

Até o momento ainda ficam zonas em poder rebelde no norte, centro e sul da Síria, assim como na periferia de Damasco.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos