"Brexit" renderá 24 bilhões de libras anuais ao Reino Unido, diz relatório

Londres, 27 dez (EFE).- Sair da União Europeia (UE) pode render 24 bilhões de libras anuais ao Reino Unido, segundo um relatório divulgado nesta terça-feira pelo grupo de pressão Change Britain, respaldado por alguns dos membros da campanha a favor do "Brexit" do referendo de junho.

Segundo os cálculos do grupo, deixar o mercado único europeu e a união aduaneira representaria uma economia de 10,4 bilhões de libras por ano para o Reino Unido, que deixaria de contribuir para o orçamento comunitário.

Uma mudança nas regulações "opressivas" da UE geraria uma economia adicional de 1,2 bilhão de libras, e os novos acordos comerciais que Londres espera assinar com outros países assim que estiver fora do bloco acrescentariam outros 12,3 bilhões.

O relatório sustenta que seus números são "muito conservadores" e que a estimativa mais otimista pode elevar a 38,6 bilhões de libras o lucro do "Brexit" para o Reino Unido.

O Change Britain conta com o apoio do ex-ministro de Justiça conservador Michael Gove, que foi um dos rostos visíveis da campanha pelo "Brexit", e o ministro das Relações Exteriores, Boris Johnson, gravou um vídeo para promover o lançamento do grupo de pressão, embora não esteja formalmente filiado a ele.

"Este documento deixa claro que as oportunidades para fazer do 'Brexit' um sucesso são enormes. Deixar a União Europeia significa que não teremos que pagar bilhões de libras aos inflamados burocratas de Bruxelas", afirmou o deputado "tory" e membro do grupo Charlie Elphicke.

"Além disso, seremos capazes de gastar o dinheiro nos assuntos que preocupam os cidadãos britânicos. Podemos construir um Reino Unido moderno, que ponha à frente os interesses das classes que trabalham duro", acrescentou.

Outros grupos de pressão partidários de que o país se mantenha no mercado único europeu após deixar a UE, como o Open Britain, respaldado pelo ex-líder liberal-democrata Nick Clegg, alertaram que romper os laços comerciais acrescentará taxas aos intercâmbios com a UE e pode abalar a economia britânica.

O Reino Unido exportou bens e serviços à UE no valor de 220 bilhões de libras em 2015, e as importações totalizaram 290 bilhões. EFE

gx/id

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos