Turquia detém 30 supostos integrantes do Estado Islâmico

Istambul, 30 dez (EFE).- A polícia turca deteve nesta sexta-feira 30 supostos integrantes do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) na província de Adana, no sul do país, informou o jornal "Hürriyet".

Cerca de 600 policiais da unidade antiterrorista com apoio aéreo realizaram uma operação em 40 domicílios onde supostamente viviam os militantes do grupo.

Na quinta-feira, outros sete supostos integrantes do EI de nacionalidade iraquiana receberam ordem de prisão preventiva em Sakarya, no noroeste da Turquia.

O Ministério do Interior anunciou na segunda-feira passada a detenção de 78 supostos membros do EI, dos quais 12 passaram para a prisão preventiva.

Nos últimos meses, o governo turco aumentou a vigilância para detectar militantes do EI e iniciou uma ambiciosa operação militar dentro da Síria para expulsar os jihadistas e as milícias curdas das zonas próximas à fronteira.

A polícia turca atribuiu ao EI vários atentados ocorridos neste ano contra pontos turísticos, como foi o ataque ao Aeroporto Internacional Atatürk de Istambul, que deixou 45 mortos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos