Índia confirma que 2 indianos estão entre os mortos em atentado em Istambul

Nova Délhi, 1 jan (EFE).- O governo da Índia confirmou neste domingo a morte de dois indianos, entre eles o filho de um ex-parlamentar do país, no ataque cometido na noite de Ano Novo que matou 39 pessoas em uma boate em Istambul, na Turquia.

"Tenho uma má notícia da Turquia. Perdemos dois cidadãos indianos no ataque em Istambul", informou a ministra das Relações Exteriores da Índia, Sushma Swaraj, no Twitter.

As vítimas foram identificadas como Abis Rizvi, filho de um ex-parlamentar indiano, e Khushi Shah, uma mulher procedente do estado oriental de Gujarat.

O embaixador indiano em Ancara, Rahul Kulshreshth, está viajando para Istambul para receber os familiares das vítimas em sua chegada ao aeroporto da cidade, acrescentou a titular das Relações Exteriores.

Pelo menos 39 pessoas, muitas delas estrangeiras, morreram no ataque armado contra a boate Reina, no qual outras 69 ficaram feridas.

Por enquanto, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque, apesar de a polícia turca estar concentrando suas investigações no grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos