Itália defende unidade "a qualquer preço" para combater terrorismo

Roma, 1 jan (EFE).- O ministro das Relações Exteriores da Itália, Angelino Alfano, defendeu neste domingo a unidade da comunidade internacional "a qualquer preço" para combater o terrorismo que, segundo ele, não "conhece pausas, nem festas, nem países e continentes".

"A tragédia de Istambul nos lembra que a luta contra o terror não conhece pausas, nem festas, nem países e continentes. É necessária a unidade. A qualquer preço", escreveu Alfano no Twitter.

"As lágrimas não bastam. Devemos continuar a luta contra o terror. Combater, juntos, para defender nossa liberdade", acrescentou o chanceler.

Essas foram as palavras de Alfano sobre o atentado que ocorreu na noite de ontem em uma boate em Istambul, na Turquia, no qual morreram pelo menos 39 pessoas, entre elas 16 estrangeiros, e outras 69 ficaram feridas, segundo as autoridades turcas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos