Países nórdicos condenam atentado terrorista em Istambul, na Turquia

Berlim, 1 jan (EFE).- Os governos de Noruega, Dinamarca, Suécia, Dinamarca e Finlândia expressaram neste domingo sua condenação ao atentado cometido em uma boate em Istambul, na Turquia, que deixou ao menos 39 mortos e 69 pessoas feridas.

"Um ataque armado covarde contra civis inocentes. Minhas condolências a suas famílias e meu afeto para o povo da Turquia", afirmou a primeira-ministra da Noruega, Erna Solberg, em mensagem no Twitter.

Já o chefe de governo da Dinamarca, Lars Lokke Rasmussen, destacou através desta mesma rede social o "trágico começo" de 2017 que representa este "atentado covarde", cometido pouco depois da meia-noite (horário local da Turquia), na virada do ano novo.

O governo sueco, por sua vez, se manifestou através da ministra de Relações Exteriores, Margot Wallström, que transmitiu através do Twitter sua "maior condenação", assim como suas condolências aos familiares das vítimas.

Finalmente, o primeiro-ministro da Finlândia, Juha Sipilä, divulgou em seu perfil na rede social uma mensagem de condenação e estupor por um ataque que, segundo ele, custou a vida de civis inocentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos