Ataque do EI a delegacias no Iraque deixa 3 policiais mortos

Bagdá, 2 jan (EFE).- Pelo menos três policiais iraquianos morreram nesta segunda-feira em confrontos com terroristas do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) que invadiram duas delegacias da cidade de Samarra, no norte do Iraque, informou à Agência Efe uma fonte policial.

A fonte acrescentou que dois jihadistas morreram, de um total de quatro que entraram em duas delegacias com coletes de explosivos que tentaram detonar no interior dos recintos.

As duas delegacias ficam no bairro de Al Muatasem, no centro de Samarra, localizada a 40 quilômetros ao sul de Tikrit, capital da província de Saladino.

Depois do ataque, as forças de segurança enfrentaram os terroristas suicidas e fecharam os acessos à área, e posteriormente lançaram uma operação para buscar outros possíveis jihadistas nas proximidades das delegacias.

As autoridades impuseram o toque de recolher depois do ataque, registrado após várias explosões na capital, Bagdá, que deixaram hoje pelo menos 37 mortos e mais de 70 feridos.

As forças iraquianas lutam contra o EI no norte do país, onde os radicais ainda controlam territórios na província de Ninawa, cuja capital é Mossul.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos