Incêndio em Valparaíso (Chile) atinge aproximadamente 100 casas

Santiago do Chile, 2 jan (EFE).- Cerca de 100 casas foram atingidas pelo fogo e 400 pessoas tiveram que ser retiradas da região por conta de um incêndio - que ainda não foi controlado -, iniciado na tarde de segunda-feira, na cidade de Valparaíso, no Chile, deixando 19 feridos, em sua maioria por inalação de fumaça.

Os fortes ventos de até 60 km/h, propagaram as chamas em direção as zonas habitadas do sul de Valparaíso, onde as temperaturas alcançaram 34 graus.

As autoridades ordenaram a saída dos moradores das residências localizadas em áreas de risco e declararam o alerta vermelha nesta cidade, que em abril de 2014 sofreu um incêndio que deixou mais de 2,9 mil imóveis destruídos, 15 mortos e mais de 500 feridos.

Cinco brigadas da Corporação Nacional Florestal (Conaf) e 49 unidades de Bombeiros de Valparaíso e Viña del Mar estão combatendo o incêndio, com apoio aéreo de dez aeronaves.

O incêndio provocou um corte do fornecimento de energia elétrica em parte da cidade, que será restabelecido totalmente durante a noite ou madrugada de terça-feira, segundo informou um porta-voz do Escritório Nacional de Emergência.

O fogo teve início na região de mato e eucalipto, e produziu uma extensa coluna de fumaça visível a dezenas de quilômetros de distância.

Além de Valparaíso, o Escritório Nacional de Emergência mantém em alerta vermelho outros quatro municípios por conta dos incêndios. EFE

mf/phg

(foto)(vídeo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos