Novos disparos assustam aeroporto depois de tiroteio que deixou 5 mortos

Miami, 6 jan (EFE).- Depois que pelo menos cinco pessoas morreram nesta sexta-feira em um tiroteio no Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale-Hollywood, novos disparos foram registrados na área de estacionamento do aeroporto do sul da Flórida, segundo a Direção de Segurança no Transporte (TSA, na sigla em inglês).

De acordo com o canal "Fox News", os disparos ocorreram no estacionamento situado entre os terminais 1 e 2 do aeroporto, e o autor dos mesmos ainda não foi detido.

Este novo tiroteio aconteceu depois que a prefeita do condado de Broward, Barbara Shareif, assegurou que não há provas de que o autor dos primeiros disparos, já detido pelas autoridades, tenha "atuado em cumplicidade com outros".

No entanto, a TSA afirmou através do Twitter que há um "atirador ativo" no aeroporto, em instalações que já foram "fechadas".

O Escritório do Xerife do Condado de Broward, onde está Fort Lauderdale, confirmou a morte de cinco pessoas e que outras oito ficaram feridas e foram transportadas em helicópteros a hospitais próximos.

Emissoras de televisão locais mostraram imagens nas quais se vê policiais posicionados após o início deste novo tiroteio, que levou dezenas de pessoas que estavam nas pistas a correr para buscar refúgio.

O presidente Barack Obama foi informado do incidente no aeroporto de Fort Lauderdale por sua assessora de segurança nacional e luta antiterrorista, Lisa Monaco, indicou o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional (NSC), Ned Price.

Já o presidente eleito, Donald Trump, escreveu no Twitter que segue de perto a "terrível situação na Flórida", e falou com o governador do estado, Rick Scott, que já anunciou que se transferirá até o aeroporto de Fort Lauderdale para ser informado em pessoa.

O senador pela Flórida, Bill Nelson, declarou à emissora "MSNBC" que o nome do primeiro atirador seria Esteban Santiago, que estava com uma identificação militar, embora possa ser de outra pessoa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos