Soldados dominicanos detêm haitianos imigrantes ilegais na fronteira

Dajabón (R.Dominicana), 6 jan (EFE).- Soldados e inspetores de migração da República Dominicana que trabalham na fronteira com o Haiti impediram a entrada no país de centenas de haitianos que tentam ingressar de maneira clandestina, informaram nesta sexta-feira fontes militares locais.

O diretor do Corpo Especializado de Segurança Fronteiriça Terrestre (Cesfront), general Sugar Frugis Martínez, disse para a imprensa local, que pelo menos 1.500 haitianos foram detidos nos últimos dias ao serem surpreendidos cruzando de maneira ilegal para o território dominicano.

Martínez revelou que muitos dos haitianos são devolvidos quando os inspetores de migração detectam que eles portam documentos falsos, e outros enquanto se escondem nos montes, casas em construção e outros lugares.

O diretor do Cesfront acrescentou que diariamente dezenas de haitianos que tentam emigrar para a República Dominicana são pegos com documentos falsos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos