Ataque com caminhão em Jerusalém Oriental deixa 4 mortos e 15 feridos

Jerusalém, 8 jan (EFE).- Ao menos quatro pessoas morreram e 15 ficaram feridas neste domingo em um ataque com um caminhão em Jerusalém Oriental, confirmou a Estrela de Davi Vermelha (equivalente à Cruz Vermelha).

O motorista, um árabe com cidadania israelense do bairro de Jabal Mukaber, morreu baleado pelas forças de segurança após avançar com o veículo pesado contra um grupo de soldados, segundo o "Channel 10" da televisão israelense.

"A polícia aumentou a segurança na região e está tentando determinar a identidade do terrorista", informou o porta-voz policial Micky Rosenfeld.

Entre as vítimas mortais há três mulheres e um homem, todos com idades próximas dos 20 anos.

Vários dos pedestres atropelados ficaram presos debaixo do caminhão e foram atendidos pelos serviços de emergência e levados para hospitais, um deles em estado grave e três moderados, acrescentaram as equipes de emergência.

"O terrorista chegou vindo da rua Alar. Viu um grupo de pessoas que saíam de um ônibus que tinha parado ao longo da rua e, pelo que sabemos, ele acelerou e as atropelou", explicou o porta-voz policial do distrito de Jerusalém, Galit Ziv, informou o site "Ynet".

O incidente aconteceu perto do assentamento israelense de Armon Hanatziv, no território palestino ocupado de Jerusalém Oriental.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos