Peña Nieto impõe "livre fluxo de remessas" como condição de relação com Trump

Cidade do México, 11 jan (EFE).- O presidente do México, Enrique Peña Nieto, afirmou nesta quarta-feira que uma das condições que seu país imporá para estabelecer uma negociação com o próximo governo dos Estados Unidos, presidido por Donald Trump, será que se "mantenha o livre fluxo de remessas".

Em um encontro com cônsules e embaixadores no Palácio Nacional da capital mexicana, o presidente lembrou que, nos primeiros meses de 2016, o México acumulou mais de US$ 24 bilhões na recepção de remessas.

Trump prometeu em sua campanha eleitoral bloquear as remessas que o país latino-americano recebe dos imigrantes mexicanos que vivem nos EUA se o México não aceitar pagar o muro que pretende construir na fronteira.

Segundo o magnata, estas remessas provêm, em sua maioria, de "imigrantes ilegais".

"Destes recursos depende o sustento de milhões de famílias mexicanas, principalmente de baixos recursos", lembrou hoje Peña Nieto.

Além disso, o presidente mexicano exigiu que os EUA "assumam o compromisso de trabalhar de forma corresponsável para deter o tráfico ilegal de armas" desse país ao México, assim como para "conter o dinheiro de procedência ilícita que recebem as organizações criminosas em nosso país".

Quanto à migração - tema no qual Trump reiterou sua intenção de deportar milhões de imigrantes ilegais -, Peña Nieto afirmou que "ambos países temos uma responsabilidade compartilhada sobre o crescente fluxo de imigrantes ilegais estrangeiros que cruzam o território mexicano em seu afã de chegar aos Estados Unidos".

"Devemos conseguir que qualquer repatriação de pessoas indocumentadas continue de maneira ordenada e coordenada, garantindo um tratamento humano e respeitando os direitos dos migrantes", acrescentou o presidente mexicano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos