Trump vai passar controle de empresas para os filhos, mas não venderá

Nova York, 11 jan (EFE).- O presidente eleito de Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quarta-feira que vai passar todo o controle de seus negócios para os seus dois filhos adultos e para um colaborador, mas não vai vender seus ativos na empresa.

Trump, que lembrou que se quisesse poderia continuar dirigindo sua companhia enquanto estiver na Casa Branca, afirmou que seus filhos não vão discutir com ele as decisões empresariais.

De acordo com a sua advogada, Sheri Dillon, a empresa de Trump não fará novos negócios no exterior durante o mandato e as operações domésticas serão alvo de uma minuciosa supervisão para evitar conflito de interesses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos