Deir ez Zor amanhece em calma após noite de bombardeios

Beirute, 17 jan (EFE).- Uma calma aparente reina na cidade síria de Deir ez Zor nesta terça-feira, alvo há três dias de uma ofensiva do grupo terrorista Estado Islâmico (EI), após uma noite de intensos bombardeios, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

De acordo com a ONG, a tranquilidade só foi abalada hoje pelo barulho de alguns disparos. Conforme o grupo, na noite passada, aviões russos e do Exército sírio lançaram dezenas de bombardeios contra a cidade e as frentes de batalha. Durante o dia, o EI conseguiu avançar e tomou áreas próximas ao aeroporto militar, controlado pelas autoridades, e cortou a única via de entrada por terra a esta base aérea.

Com estes avanços, os jihadistas dividiram em duas as zonas em poder dos soldados governamentais em Deir ez Zor. Os radicais iniciaram no sábado um ataque contra posições governamentais na cidade, naquela que é a maior ofensiva realizada em Deir ez Zor em um ano.

O Observatório indicou que 122 pessoas morreram nas últimas 72 horas na cidade: 27 eram civis, 37 eram soldados leais ao presidente sírio, Bashar al Assad, e 58 eram extremistas. Quase toda a província de Deir ez Zor, na fronteira com o Iraque, está controlada pelo EI, exceto alguns distritos da capital homônima e o aeroporto militar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos