Exército dos EUA lança ataque aéreo na Líbia contra o EI

Washington, 19 jan (EFE).- O governo dos Estados Unidos realizou na noite da quarta-feira ataques aéreos de precisão contra posições do grupo Estado Islâmico (EI) na Líbia.

O Pentágono informou nesta quinta-feira que a ofensiva foi elaborada em coordeção com governo de união nacional da Líbia. Foram destruídos dois acampamentos do EI que ficavam próximos à cidade de Sirte, disse o porta-voz do Pentágono, Peter Cook, em comunicado.

"Embora ainda estejamos avaliando os resultados dos ataques, a avaliação inicial indica que eles tiveram sucesso", disse Cook.

O porta-voz indicou que o ataque teve como alvo terroristas que tinham fugido para o deserto de Sirte para se reorganizar e que "ofereciam riscos para a segurança da Líbia, da região e dos interesses nacionais dos Estados Unidos".

"A ação foi autorizada pelo presidente (Barack Obama) como uma extensão da bem-sucedida operação que os militares americanos realizaram no ano passado para apoiar as forças líbias na libertação de Sirte do controle do EI", disse o porta-voz na nota.

Cook afirmou que os EUA seguem apoiando os esforços da Líbia para resistir às ameaças terroristas e derrotar o EI no país. A finalidade dos ataques aéreos é impedir que os jihadistas tenham um refúgio seguro, além de degradar a capacidade do grupo de atacar e desestabilizar Sirte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos