Governo italiano diz que 23 pessoas estão desaparecidas em hotel soterrado

Roma, 21 jan (EFE).- A delegação do governo italiano em Pescara divulgou neste sábado um balanço em que informa que 23 pessoas continuam desaparecidas entre os destroços do hotel soterrado por uma avalanche na última quarta-feira, embora fontes desse grupo tenham ressaltado à Agência Efe que esse número não é definitivo.

O número de pessoas resgatadas com vida após o desmoronamento subiu para 11: nove resgatados em meio às ruínas, entre elas quatro crianças, e outros dois homens que conseguiram sair do deslizamento em um primeiro momento e acionar as autoridades. Cinco corpos também foram recuperados.

Em um discurso à imprensa, o chefe da Defesa Civil, Fabrizio Curcio, informou que há outras duas pessoas que foram encontradas com vida e que ainda permanecem presas à espera do resgate.

Os trabalhos de busca por possíveis sobreviventes e vítimas continuam sem intervalo e em condições extremas devido ao frio e ao terreno irregular, coberto por camadas de neve após o temporal dos últimos dias.

O bombeiro Alberto Maiolo revelou que ouviu barulhos nos escombros, mas, segundo ele, é difícil distinguir se são sinais de sobreviventes ou o movimento de destroços do hotel, esmagado por toneladas de neve.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos