Ação conjunta na Europa recupera 3,5 mil obras de arte

Madri, 22 jan (EFE).- Agentes europeus recuperam 3.561 peças de arte, mais da metade objetos arqueológicos, em uma operação contra o espólio, liderada por Espanha e Chipre, na qual participaram policiais de 18 países e na qual 75 pessoas foram detidas.

A operação, conhecida como Pandora, foi realizada entre outubro e novembro do ano passado com uma fase de ação comum colocada em prática entre 17 e 23 de novembro, informou hoje o Ministério do Interior espanhol.

Com o apoio de Europol, Interpol, Unesco e Organização Mundial de Alfândegas, 48.587 pessoas foram interrogadas, enquanto 29.340 veículos e 50 embarcações foram inspecionados, o que permitiu que 92 novas investigações sobre o tráfico ilícito de bens culturais e o roubo de arte fossem abertas.

Na Espanha, a Guarda Civil recuperou mais de 500 objetos arqueológicos, dos quais 19 tinham sido roubados em 2014 no Museu Arqueológico de Múrcia. A Polícia grega, por sua vez, apreendeu parte de uma lápide de mármore otomano e uma imagem pós-bizantina do século XVIII de São Jorge e outros dois santos, além de dois objetos da época bizantina.

A operação teve participações de Áustria, Bélgica, Bulgária, Bósnia, Chipre, Croácia, Alemanha, Grécia, Itália, Malta, Holanda, Polônia, Portugal, Romênia, Sérvia, Espanha, Suíça e Reino Unido, liderados por espanhóis e cipriotas.

Os esforços foram centralizados no espólio cultural (tanto no mar quanto em terra), o tráfico ilícito de bens culturais (com especial atenção aos bens procedentes de países em conflito) e o roubo cultural.

Segundo o Ministério do Interior espanhol, a Europol apoiou a ação com especialistas operacionais e analíticos, e a Interpol pôs à disposição dos agentes sua base de dados, que conta com 50 mil objetos de arte cujo roubo foi registrado. Isso permitiu uma rápida resposta sobre a procedência lícita das centenas de objetos culturais controlados durante as investigações.

A Organização Mundial de Alfândegas prestou seu apoio aos países participantes alertando todas as instituições alfandegárias das ações em curso, enquanto a Unesco assessorou os países participantes da ação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos