Nazarbayev acredita que reunião em Astana ajudará a solucionar conflito sírio

Astana, 23 jan (EFE).- O presidente do Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev, disse qeu acredita que as negociações entre representantes do governo sírio e da oposição armada que começaram nesta segunda-feira em Astana ajudarão a encontrar uma solução pacífica para o conflito na Síria.

Nazarbayev fez essas declarações ao enviado especial do secretário-geral da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, segundo informou a assessoria de imprensa da presidência cazaque.

"Queremos que esta reunião tenha sucesso. O Cazaquistão tem relações de confiança com todos os participantes do encontro, então, acredito que todas as condições estão dadas para que as negociações transcorram com normalidade", disse o líder cazaque.

Nazarbayev acrescentou que o Cazaquistão acredita que a reunião em Astana ajudará na preparação das negociações de paz que acontecerão em Genebra em fevereiro.

De Mistura, por sua vez, agradeceu ao presidente cazaque a organização da reunião de Astana.

"Seu país tem grande experiência e é um exemplo na hora de solucionar situações muito complexas na arena internacional", disse o enviado do secretário-geral da ONU, citado pela presidência cazaque.

As negociações entre o regime de Bashar al Assad e os rebeldes sírios na capital cazaque serão indiretas, segundo disse hoje à Agência Efe Osama Abu Zeid, porta-voz do Exército Livre Sírio (ELS). EFE

kk-bsi-vh/rpr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos