Parlamento britânico deverá autorizar o "Brexit", opina o Supremo do país

Londres, 24 jan (EFE).- O parlamento britânico deverá autorizar a ativação do artigo 50 do Tratado de Lisboa que inicia o "Brexit", a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), segundo opinou nesta terça-feira a Suprema Corte do país.

Com esta decisão, a máxima instância judicial britânica rejeitou o recurso que tinha sido apresentado pelo governo contra uma decisão anterior, que o obrigava a consultar os deputados antes de invocar o decisivo artigo do Tratado de Lisboa, que inicia as negociações sobre a saída de um país do bloco comunitário.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos