Shinzo Abe e Donald Trump se reunirão em Washington no dia 10 de fevereiro

Tóquio, 28 jan (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiram por telefone neste sábado que se reunirão em Washington no dia 10 de fevereiro para abordar o futuro da relação bilateral no âmbito comercial e de defesa.

Tóquio espera conversas "francas e produtivas" para reforçar os laços entre ambos os países, disse o próprio Abe em breve declaração à emissora pública japonesa "NHK" depois da conversa por telefone.

A reunião, possivelmente a segunda de Trump com chefe de governo, após receber nesta sexta-feira a primeira-ministra britânica, Theresa May, chega em um momento de incerteza perante as diferenças sobre política comercial além da fronteira entre Tóquio e Washington, que com o novo governo optou por um giro protecionista.

O presidente americano assinou na segunda-feira passada uma ordem executiva para retirar o país do Acordo de Associação Transpacífico (TPP), que visava ser o maior tratado de livre-comércio multilateral do mundo e que Tóquio ainda defende insistentemente.

Por outro lado, o próprio Abe disse neste sábado que durante a conversa telefônica ambos "ressaltaram a importância" da aliança militar entre Tóquio e Washington.

Abe foi o primeiro chefe de governo com o qual Trump se reuniu logo após a vitória eleitoral, quando os dois se reuniram em Nova York em novembro do ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos