PUBLICIDADE
Topo

Organização islâmica condena "ataque covarde" contra mesquita no Canadá

30/01/2017 10h50

Riad, 30 jan (EFE).- A Organização para a Cooperação Islâmica (OCI), com sede em Jidá, na Arábia Saudita, expressou nesta segunda-feira sua total rejeição ao "ataque covarde" realizado por terroristas contra uma mesquita no Québec, no Canadá, no qual morreram "seis fiéis".

Em comunicado, o secretário-geral da OCI, Youssef bin Ahmed Al Ozaimin, expressou sua tristeza por esse "ato atroz que fere o espírito da tolerância e humanidade, assim como respeito aos locais de culto".

Além disso, a organização enviou condolências aos familiares das vítimas, ao governo do Canadá e ao povo canadense pelas "dramáticas perdas das almas desses cidadãos".

No texto, Al Ozaimin reiterou a "rejeição da OCI ao terrorismo manifestado em todas as suas formas".

Vários países árabes condenaram o ataque terrorista. Tunísia e Egito, por exemplo, divulgaram comunicados expressando total rejeição ao ataque.