Al Assad aparece em reunião com empresários após rumores sobre sua saúde

Beirute, 1 fev (EFE).- O presidente da Síria, Bashar al Assad, se reuniu na terça-feira com empresários do país que perderam suas fábricas durante a guerra, em sua primeira aparição pública após rumores divulgados nos últimos dias sobre seu estado de saúde.

A emissora estatal síria divulgou nesta quarta-feira imagens do líder durante o encontro que ocorreu ontem. Na gravação, Al Assad falava de forma natural com os empresários.

Na última semana, a imprensa árabe afirmou que o líder do regime sírio tinha sofrido um derrame cerebral. O jornal libanês "Al Mustaqbal" informou, citando "fontes de confiança", que Al Assad estava internado em um hospital de Damasco após o problema.

Já o jornal saudita "Okaz" disse que o presidente sírio tinha um tumor no cérebro e realizou exames médicos em Moscou em outubro do ano passado.

A presidência da Síria desmentiu os rumores no último fim de semana e, em comunicado, destacou que Al Assad está em "excelentes condições" e desempenhando suas funções com normalidade.

Segundo a nota, as informações foram divulgadas por "pessoas e jornais conhecidas por sua afiliação e financiamento". E indicou que as notícias coincidem com as mudanças que estão ocorrendo na cena política da Síria, que seriam "adversas para os que conspiraram contra o país".

Há dois dias, Al Assad tinha conversado por telefone com o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse a agência "Sana".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos