Marine le Pen defende veto migratório de Trump nos EUA

Londres, 1 fev (EFE).- A candidata ultradireitista à presidência da França, Marine le Pen, defendeu nesta quarta-feira o veto migratório do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para os cidadãos de sete países de maioria muçulmana e afirmou que as reações contra essa decisão significam "má fé".

"É uma medida temporária. É voltada a seis ou sete países que, certamente, são responsáveis por ameaças terroristas. Acho que Donald Trump e seus serviços de inteligência queriam estabelecer critérios e condições para evitar que potenciais terroristas entrem nos Estados Unidos", disse a líder da Frente Nacional (FN) em entrevista ao canal "CNN Europe".

A ultradireitista se recusou a responder se seria a favor de estabelecer um veto similar na França, mas afirmou que o país deve estar "muito atento" aos controles de imigração.

"A França já não tem fronteiras, devido à União Europeia", lamentou.

Le Pen disse que não se surpreendeu com a série de ordens executivas assinadas por Trump durante os primeiros dias na Casa Branca, inclusive a que prevê iniciar a construção de um muro na fronteira com o México.

"Trump tinha dito que ia fazer tudo isso. Agora, parece que o mundo se escandaliza porque ele está implementando o que tinha prometido fazer durante a campanha", comentou.

A líder da FN também se mostrou de acordo com os pontos de vista contrários ao "livre-comércio sem controle" expressado pelo presidente americano.

"Essas ideias (contra o livre-comércio) já estão sendo implementadas pelos britânicos, depois do referendo (sobre a saída do Reino Unido da União Europeia). Acho que, por causa da eleição de Donald Trump, as pessoas estão querendo dar fim a esta globalização selvagem e anárquica, e que nos movimentemos em direção a um maior patriotismo, rumo à preservação da cultura e dos empregos locais", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos