"Separados" por muro, Peña Nieto e Trump estão lado a lado em Museu de Cera

Cidade do México, 1 fev (EFE).- Os presidentes do México, Enrique Peña Nieto, e dos Estados Unidos, Donald Trump, que estão em confronto por causa de um muro que o americano quer construir na fronteira entre os países, estão lado a lado, ao menos, no Museu de Cera da capital mexicana.

Logo no hall de entrada, os dois líderes são vistos, recebendo os visitantes. Quem chega ao local, dificilmente, resiste a oportunidade de tirar uma foto com os homens mais poderosos das respectivas nações.

Muitas das selfies, no entanto, tem um "toque crítico", conforme explicou à Agência Efe a porta-voz do Museu de Cera, Alejandra Urbina.

"Chama a atenção do público ver estátuas novas. Trump é uma figura muito interessante. Nas fotos, as pessoas posam com eles, às vezes, fazendo cara de bravo ou então como se declarassem guerra", contou a funcionária.

O encontro entre Peña Nieto e Trump acabou sendo circunstancial. O presidente do México tem um lugar fixo no Museu, no hall de entrada, enquanto o americano está lá por ser a novidade do mês na instalação.

No local há uma sala de presidentes do planeta, que é atualizada de maneira constante, onde ainda está a estátua de Barack Obama, antecessor do novo chefe de Estado do país vizinho.

O Museu de Cera da Cidade do México foi inaugurado em 27 de agosto de 1979 e, atualmente, conta com 230 peças, colocadas em 14 salas temáticas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos