Tunisiano acusado de planejar atentado é preso na Alemanha

Berlim, 1 fev (EFE).- Unidades especiais da polícia da Alemanha prenderam nesta quarta-feira um cidadão tunisiano suspeito de preparar um atentado e estiveram em mais de 54 imóveis, lojas e mesquitas em uma operação antiterrorista no estado de Hesse, no oeste do país.

Segundo o jornal "Bild", a Procuradoria, Escritório de Investigação Criminal (LKA) de Hesse e a Procuradoria de Frankfurt estão investigando uma "célula terrorista" extremamente perigosa e com um total de 16 suspeitos de entre 16 e 46 anos.

O detido e principal suspeito é um tunisiano de 36 anos, acusado de recrutamento para o Estado Islâmico (EI), além de ter criado uma rede de simpatizantes com o objetivo, entre outros, de realizar um atentado terrorista na Alemanha.

O homem foi preso em Frankfurt sem oferecer resistência por volta das 4h (horário local, 1h de Brasília) em uma operação onde participam cerca de 1,1 mil agentes e foi entregue ao juiz de instrução do Tribunal Regional de Frankfurt para emitir o mandado de prisão.

Segundo a polícia, os planos para um ataque terrorista ainda estavam em uma fase preliminar e ainda não existia um alvo concreto.

"Com estas medidas enviamos uma mensagem claro aos radicais islâmicos em Hesse. Temos seus círculos sob observação", comunicou o ministro do Interior desse estado federado, Peter Beuth.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos