Acidente de ônibus mata 10 universitários no Sinai egípcio

Cairo, 4 fev (EFE).- Pelo menos dez estudantes de Farmácia da Universidade de Alexandria morreram depois que seu ônibus tombou em uma estrada da Península do Sinai, no leste do Egito, informou neste sábado a agência oficial de notícias "Mena".

Além disso, 41 jovens ficaram feridos no acidente, que aconteceu ontem, e ainda permanecem internados, segundo o diretor-geral do Departamento de Saúde da província do sul do Sinai, Ahmed Mahfuz.

Os feridos estão recebendo tratamento nos hospitais das localidades de Sharm el-Sheikh, Dahab e Nueiba, no litoral do Sinai, detalhou Mahfuz em declarações à "Mena".

Entre as vítimas mortais, que aumentaram hoje de seis para dez depois que quatro feridos não resistiram aos ferimentos, está a jogadora de vôlei do clube Semoha, Shadua Mohammed.

O ônibus tombou na estrada internacional de Nueiba, cidade turística do Mar Vermelho para onde os universitários se dirigiam para passar suas férias de metade de curso.

Nessa região há acampamentos muito populares entre os jovens egípcios e entre os turistas estrangeiros, que viajam ao Sinai principalmente para mergulhar.

No Egito são frequentes os acidentes rodoviários e, segundo um relatório de 2015 da Organização Mundial da Saúde, 10.466 pessoas morrem ao ano nas estradas do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos