Refugiado é condenado por usar 7 identidades para receber auxílio na Alemanha

Berlim, 6 fev (EFE).- O tribunal de primeira instância da cidade de Hannover, no norte da Alemanha, condenou a um ano e nove meses em liberdade condicional um sudanês solicitante de asilo que utilizou sete identidades diferentes para pedir ilegalmente cerca de 22 mil euros em auxílio.

De acordo com a sentença, divulgada nesta segunda-feira pela imprensa local, o jovem, de 25 anos e que está há cinco meses na prisão, também precisará cumprir 200 horas de trabalhos comunitários.

No julgamento, o advogado do solicitante de asilo leu uma declaração na qual o jovem reconhecia ter pedido ilegalmente um total de 21,7 mil euros, se mostrava arrependido e explicava que seu objetivo era enviar dinheiro à família no Sudão, já que a mãe está muito doente e o pai ficou gravemente ferido na guerra.

O refugiado se inscreveu em diversas cidades do norte da Alemanha com até sete identidades diferentes para pedir auxílio em 2015 e 2016.

A promotoria pediu uma pena de prisão efetiva, e não liberdade condicional, mas a defesa argumentou que o jovem só tinha aproveitado "uma brecha do sistema", se inscrevendo em diferentes lugares e sendo fotografado por diversos funcionários.

O juiz optou finalmente pela liberdade condicional ao lembrar que o homem não tinha penas anteriores e que já estava há vários meses na prisão.

Várias regiões alemãs alertaram para dificuldades de descobrir a identidade e o número exato de solicitantes de asilo no país perante o caos registrado em 2015, quando, segundo números do Ministério do Interior, 890 mil solicitantes de asilo entraram na Alemanha.

Em 2016, foi estabelecida a criação de um documento de identidade para os solicitantes de asilo, que ainda não inclui todos os afetados, e o registro com impressões digitais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos