Fábrica que produz baterias para Samsung Note 7 pega fogo na China

Pequim, 8 fev (EFE).- Bombeiros da cidade chinesa de Tianjin (norte) tiveram que sufocar nesta quarta-feira um incêndio em uma fábrica local que produzia baterias para o Samsung Note 7, o celular que ficou famoso no ano passado por vários casos de explosões e incêndios.

O incêndio foi declarado na fábrica da Samsung SDI, provedora da Samsung, no distrito de Wuqing, e afetou baterias de íon-lítio e outros produtos não terminados, afirmou o jornal "South China Morning Post", que esclareceu que o fogo foi extinto com rapidez e não causou feridos.

Imagens de testemunhas publicadas em redes sociais mostraram colunas de fumaça surgindo da fábrica, enquanto responsáveis da Samsung falavam à imprensa que o incêndio havia afetado um depósito de materiais desprezados, não as linhas de produção.

A Samsung SDI é uma das duas firmas que abastecem a Samsung de baterias para o Galaxy Note 7, produto que teve que ser retirado no mundo todo pela firma sul-coreana devido a vários casos de incêndios e explosões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos