Comandante do EI responsável por pior ataque desde 2001 morre no Afeganistão

Cabul, 9 fev (EFE).- Qari Munib, um importante comandante do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), responsável do ataque mais sangrento ocorrido no Afeganistão desde a invasão americana em 2001, morreu em uma operação conjunta das tropas afegãs e da Otan, informou nesta quinta-feira o governo de Cabul.

"Qari Munib, um dos principais comandantes do EI, morreu em uma operação antiterrorista conjunta das forças de segurança do país e da Apoio Decidido", a missão da Otan no Afeganistão, informou o palácio presidencial afegão em comunicado.

A operação aconteceu no dia 1º de fevereiro e, após uma investigação, as autoridades confirmaram que o alvo abatido era Munib, a quem se atribui um ataque em junho de 2016, que deixou mais de 80 mortos e 300 feridos em uma manifestação da minoria xiita hazara em Cabul.

Além desse atentado, considerado o pior dos últimos 15 anos no país, o comandante insurgente foi o principal organizador de um ataque que, no mesmo mês, matou 14 nepaleses, além de outro, em novembro, que deixou 30 feridos em uma mesquita frequentada por hazaras.

A operação contra Munib foi ordenada pelo presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, e aprovada pelo Conselho Nacional de Segurança, segundo a nota.

O porta-voz do Ministério da Defesa afegão, Dawlat Waziri, indicou em comunicado em sua página oficial no Facebook que o comandante morreu no distrito de Achin, na província oriental de Nangarhar, considerado o bastião do EI no país.

O EI está presente no Afeganistão pelo menos desde 2015 e, embora no início do ano passado as autoridades afegãs tenham anunciado sua derrota, os combates entre as forças afegãs e o grupo terrorista não cessaram, tampouco os ataques em várias partes do país.

O último deles, reivindicado pelos jihadistas, ocorreu há dois dias, quando 21 pessoas morreram e mais de 40 ficaram feridas em um atentado perpetrado no estacionamento do Tribunal Supremo em Cabul. EFE

bks-njd/cs

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos