Confrontos entre facções extremistas no norte da Síria deixam 69 mortos

Cairo, 14 fev (EFE).- Pelo menos 69 combatentes morreram desde ontem em enfrentamentos entre facções extremistas, com envolvimento da Libertação do Levante, uma aliança formada em torno da ex-filial síria da Al Qaeda, informou nesta terça-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Dos mortos, pelo menos 39 eram membros da organização, dos quais 16 foram assassinados pelas mãos de guerrilheiros da Jund al-Aqsa quando atacaram um edifício de segurança do grupo rival na cidade de Khan Shijun, no sul da província setentrional de Idlib.

Por sua vez, Jund al-Aqsa sofreu 30 baixas, sendo quatro suicidas que cometeram atentados com carros-bomba e cinturões de explosivos.

Os confrontos entre ambos voltaram a ocorrer hoje perto da cidade de Tel Aas, ao oeste de Khan Shijun e cujo controle foi tomado pela Libertação do Levante.

Essa aliança armada também conquistou as populações de Kafr Suyana e Mar Zita, depois da retirada de seus adversários dessas zonas.

Desta maneira, a Libertação do Levante arrebatou da Jund al-Aqsa um total de seis localidades do sul de Idlib e do norte de Hama nas últimas 24 horas.

A Jund al-Aqsa jurou lealdade em novembro ao antigo ramo da Al Qaeda, que há seis meses mudou seu nome, Frente al Nusra, pela Frente da Conquista do Levante e se desvinculou da organização liderada por Ayman al-Zawahiri.

No entanto, no mês passado, a Frente da Conquista do Levante rompeu seus laços com Jund al-Aqsa ao considerar que a adesão não tinha sido pactuada entre os militantes do segundo grupo e tinha sido uma decisão individual de um dos "emires".

Nas últimas semanas, se estenderam os combates entre facções no norte da Síria, nos quais esteve envolvida a Frente da Conquista do Levante.

Como reação a estas hostilidades, no final de janeiro vários grupos anunciaram sua fusão com a antiga Frente al Nusra, o que supôs a criação da organização Libertação do Levante.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos