Exército sírio expulsa EI de usina de gás na província de Homs

Cairo, 14 fev (EFE).- O Exército da Síria e seus aliados expulsaram o grupo jihadista Estado Islâmico (EI) da usina de gás de Hian, no leste da província central de Homs, segundo informou nesta terça-feira a agência de notícias oficial "Sana".

Fontes militares, citadas pela agência, disseram que unidades militares desenvolveram nas últimas horas uma ampla operação que terminou a tomada da jazida e da usina de Hian.

Um grande número de combatentes do EI perderam a vida ao longo da operação, disse "Sana". Os soldados se encarregam agora de limpar as instalações de minas e outros artefatos explosivos. As fontes militares destacaram que a usina de gás sofreu grandes danos após a passagem dos jihadistas.

No dia 9 de janeiro, a agência de notícias jihadista "Amaq" divulgou um vídeo que mostrava combatentes do EI explodindo a usina de Hian com dinamites.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos confirmou a destruição parcial da usina com artefatos explosivos utilizados pelos extremistas.

Em 8 de dezembro, o EI iniciou uma ofensiva contra diferentes pontos do leste de Homs, na qual tomou Hian, a cidade monumental de Palmira - cujas ruínas greco-romanas são Patrimônio Mundial da Unesco - e outras partes da região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos