Arábia Saudita desmantela 4 células terroristas do EI no país

Riad, 16 fev (EFE).- As forças de segurança da Arábia Saudita desmantelaram quatro células terroristas do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), informou nesta quinta-feira o porta-voz do Ministério do Interior, Bassam Attia.

Em entrevista coletiva em Riad, o porta-voz explicou que as prisões ocorreram durante uma operação que começou no último sábado. No total, foram detidas 18 pessoas, entre eles um iemenita e um sudanês, que "divulgaram ideologia do EI" no país.

Os detidos foram acusados de recrutar pessoas para se unir ao grupo e incentivá-los a participar da luta nas regiões em conflito fora da Arábia Saudita, além de oferecer apoio econômico aos jihadistas e suas atividades terroristas.

O porta-voz do Interior acrescentou que as forças sauditas apreenderam várias armas na operação e também 2 milhões riais sauditas (cerca de US$ 500 mil).

As células desmanteladas estavam nas cidades de Meca, Medina, Riad e Al Qasim, de acordo com Attia.

O Ministério do Interior informou em dezembro que 2.093 cidadãos do país viajaram para o exterior para se unir a organizações terroristas. Pelo menos 1540 deles, o que representa 70% do total, estariam na Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos