Casa do Rei reafirma "respeito absoluto à independência de Poder Judiciário"

Madri, 17 fev (EFE).- A Casa do Rei expressou nesta sexta-feira seu "respeito absoluto à independência do Poder Judiciário", depois de conhecer a absolvição da infanta Cristina, irmã de Felipe VI, e a condenação de seu marido, Iñaki Urdangarin, a seis anos e três meses de prisão por um caso de corrupção.

Através de um porta-voz, o Palácio da Zarzuela fez este pronunciamento sobre uma sentença a qual cabe recurso à Corte Suprema.

A Audiência de Palma (Ilhas Baleares) anunciou sua decisão, que condena Urdangarin por enriquecimento com fundos públicos através da trama corrupta de contratação organizada pelo Instituto Nóos, a associação sem fins lucrativos que ele presidia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos