Promotor peruano diz que Odebrecht está colaborando com "informações vitais"

Lima, 17 fev (EFE).- A filial da construtora Odebrecht no Peru está colaborando com informações feitas para que sejam esclarecidos os fatos sobre a licitação do Gasoduto Sul Peruano em 2014, afirmou nesta sexta-feira o promotor Reynaldo Abia, após visitar um dos escritórios da empresa brasileira em Lima, capital do país.

O promotor explicou a um repórter da "América Televisión" que funcionários da empresa tinham o atendido hoje e fornecido informações importantes para o andamento do caso.

Abia disse que foi coletar documentos da Odebrecht dentro das investigações sobre a licitação do Gasoduto Sul Peruano, caso que está sob a responsabilidade da Promotoria Anticorrupção de Lima.

Os principais investigados são Nadine Heredia, esposa do ex-presidente Ollanta Humala, suspeita de ter influenciado para que a Odebrecht vencesse a licitação com um consórcio com outras empresas, o ex-diretor da construtora em Lima, Jorge Barata, e outros dez funcionários do governo e da companhia.

Além dos documentos coletados na Odebrecht, Abia também ouvirá o ex-presidente Alan García, a ex-candidata à presidência Keiko Fujimori e o atual presidente do país, Pedro Pablo Kuczynski, todos como testemunhas do caso.

Barata disse aos promotores que se reuniu com todos os candidatos presidenciais para o pleito de 2011 e admitiu que pagou propinas de US$ 20 milhões ao ex-presidente Alejandro Toledo para a construção da Estrada Interoceânica.

Humala disse hoje que o projeto do gasoduto deve ser "relançado em melhores condições porque sabemos que, se tivesse havido um ato de corrupção, o governo teria aplicado a cláusula correspondente".

"O que temos é um projeto que veio avançando, o problema são os jogadores. A perícia que o Ministério Público fez afirma que não há nenhum prejuízo econômico ao governo", afirmou o ex-presidente.

Já sua esposa escolheu o ex-ministro do Interior Wilfredo Pedraza como seu novo advogado nos casos em que é suspeita.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos