Pence promete que EUA atuarão para que Irã não tenha armas nucleares

Munique (Alemanha), 18 fev (EFE).- O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, garantiu neste sábado o "total compromisso" da administração de Donald Trump para que o Irã nunca obtenha uma arma nuclear capaz de ameaçar os aliados de seu país, "especialmente Israel".

Em seu discurso perante a Conferência de Segurança de Munique, Pence alertou sobre a extensão da violência em todas as direções, que também alcançou a Europa e os EUA, e denunciou que "o país líder no patrocínio do terrorismo continua desestabilizando o Oriente Médio".

Segundo sua opinião, é graças ao fim das sanções nucleares que o Irã possui "recursos adicionais" para continuar com seus objetivos.

Pence alertou também sobre a crescente ameaça de diferentes grupos terroristas jihadistas, desde Líbia e Nigéria à Síria, e apontou o autodenominado Estado Islâmico como "talvez o maior mal" de todos.

"Mostra uma selvageria que não era vista no Oriente Médio desde a Idade Média", denuncio o vice-presidente, antes de ressaltar que os "EUA trabalharão sem descanso para acabar com estes inimigos, especialmente o EI e o denominado Califado".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos