Chelsea Clinton participa de protesto contra Trump na Times Square

Nova York, 19 fev (EFE).- Milhares de pessoas protestaram neste domingo contra as medidas migratórias impulsionadas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante um ato em Nova York ao qual compareceu, entre outros, Chelsea Clinton.

A filha do ex-presidente Bill Clinton e da ex-secretária de Estado Hillary Clinton se uniu à concentração realizada na Times Square em solidariedade aos membros da comunidade muçulmana.

"Obrigada a todos os que organizaram hoje #IAmAMuslimToo", disse a única filha de Bill e Hillary em mensagem publicada em sua conta no Twitter junto com uma imagem do protesto.

Chelsea Clinton destacou que trata-se da primeira vez que sua filha Charlotte, de 2 anos, participa de uma manifestação, na qual também estiveram presentes o prefeito da cidade, Bill de Blasio, e a atriz Susan Sarandon, entre outros.

O protesto foi convocado após a ordem executiva assinada por Trump para vetar de forma temporária a entrada ao país de cidadãos de sete países de maioria muçulmana que foi suspensa por um juiz federal.

Um dos oradores durante a concentração foi o destacado produtor musical Russell Simmons, que lamentou que após anos de luta contra a islamofobia nos Estados Unidos, ocorreu uma mudança com a chegada de Trump à Casa Branca.

"Cada vez estão sendo cometidos mais e mais crimes de ódio", disse Simmons. "Estamos aqui unidos por Donald Trump. Queremos agradecê-lo por ter nos unido", acrescentou o ativista, que afirmou que os eleitores do presidente estão sendo "enganados".

Entre os manifestantes na Times Square estava também a atriz Susan Sarandon, que esteve acompanhada da ativista palestina Linda Sansour, presidente da organização Arab American Association.

"Eu não tenho medo, porque o medo é uma escolha (...) portanto hoje digo que optei pela coragem diante do medo", disse a ativista desde o palco por onde passaram mais de 10 oradores para criticar as medidas de Trump.

O presidente confirmou neste fim de semana na Flórida que a Casa Branca segue trabalhando para apresentar na próxima semana uma nova ordem executiva sobre imigrantes e refugiados para "manter nosso país seguro".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos