Naufrágio de barco de peregrinos mata 11 pessoas no Sri Lanka

Colombo, 19 fev (EFE).- Pelo menos 11 pessoas morreram, entre elas um menor, após o naufrágio neste domingo de um barco no qual viajavam cerca de 40 peregrinos no sul do Sri Lanka, informaram fontes da Marinha.

"O barco, que normalmente é usado para a pesca, transportava passageiros sem uma licença nem medidas de segurança apropriadas e tombou ao tentar girar para voltar a terra", disse à Agência Efe o porta-voz da Marinha do Sri Lanka, Chaminda Walakuluge.

O acidente aconteceu na manhã de hoje e a embarcação fazia parte de uma comitiva de 19 embarcações carregadas de peregrinos que participavam de uma procissão religiosa.

As autoridades locais temem que o número de vítimas mortais do naufrágio aumente e assinalaram que, por enquanto, se desconhecem as causas da tragédia.

Um helicóptero, quatro embarcações do exército e 11 mergulhadores participaram dos trabalhos de resgate, durante os quais foram encontrados 32 sobreviventes.

As redes de pesca que permaneciam no bote naufragado dificultaram a operação de salvamento, segundo o porta-voz da Marinha do país asiático, que afirmou que os passageiros não usavam coletes salva-vidas.

Este tipo de barco de pesca, que normalmente transporta uma tripulação de quatros pessoas, é usado frequentemente para transferir viajantes entre ilhas próximas e ao longo da costa do Sri Lanka.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos