Bombardeios matam 8 pessoas da mesma família no centro da Síria

Cairo, 24 fev (EFE).- Oito pessoas de uma mesma família morreram nesta sexta-feira em decorrência de bombardeios de aviões de guerra contra sua casa situada no noroeste da província central de Hama, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

O Observatório explicou em comunicado que as vítimas são um homem, sua mulher e seus seis filhos, que tinham entre 1 e 16 anos de idade.

Além disso, detalhou que os bombardeios deixaram vários feridos, alguns em estado grave, razão pela qual o número de mortos pode aumentar nas próximas horas.

Os aviões tinham como alvo a casa da família na cidade de Al Humeirat, no monte de Shahashbu, situado perto da província de Idlib, no norte do país.

No norte de Hama estão presentes o grupo radical Jund al-Aqsa (Soldados de al-Aqsa) e outras facções jihadistas, como a Frente da Conquista do Levante (ex-filial síria da Al Qaeda), que são bombardeadas pela aviação governamental, a da Rússia e a da coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos