Ataque terrorista contra exército deixa 12 mortos no centro do Mali

Bamaco, 5 mar (EFE).- Pelo menos 12 militares morreram em um ataque efetuado por supostos terroristas contra uma base do exército do Mali na cidade de Boulekissi, no centro do país e na fronteira com Burkina Fasso.

Segundo informaram neste domingo à Agência Efe fontes militares, o ataque aconteceu na madrugada de hoje e deixou também cinco feridos e um número indeterminado de desaparecidos.

Os aviões das forças francesas de Berkhane estão atualmente sobrevoando a área, acrescentaram as mesmas fontes.

Os ataques jihadistas estavam concentrados anteriormente no norte do Mali antes de estender-se ultimamente em direção ao centro do país.

O ataque de hoje acontece poucos dias depois que os quatro principais grupos jihadistas que operam no Mali e no Sahel anunciaram sua fusão em uma só organização chamada Grupo de Apoio ao Islã e aos Muçulmanos, que tem como alvo os exércitos dos países do Sahel e as forças ocidentais presentes na região.

A situação no Mali é instável desde o golpe de Estado de 2012, quando grupos tuaregues rebeldes, junto a organizações jihadistas, tomaram o controle do norte do país durante dez meses.

Mais tarde, os jihadistas foram teoricamente expulsos graças a uma intervenção internacional liderada pela França em janeiro de 2013, mas extensas zonas do país seguem escapando ao controle do Estado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos