Brasileiro é condenado a 15 anos de prisão por assassinato na Bolívia

La Paz, 5 mar (EFE).- A Justiça da Bolívia condenou a 15 anos de prisão o brasileiro Sebastião Pereira da Silva pelo assassinato de um boliviano durante uma discussão no departamento de Pando, que faz fronteira com o Acre e Rondônia, informou a Procuradoria Geral do Estado neste domingo.

De acordo com a promotora departamental, Patricia Romero, o Tribunal de Sentença de Cobija, na capital de Pando, determinou que Silva deverá cumprir a pena na penitenciária de Villa Busch.

Segundo as investigações, o crime aconteceu quando o brasileiro e o boliviano, identificado como Yaner Estrada Cortez, bebiam com outros trabalhadores na fazenda de propriedade do pai da vítima. Silva se "enfureceu" por uma exigência feita por Estrada, "pegou uma escopeta e disparou, tirando-lhe a vida de maneira imediata para depois fugir rumo ao Brasil", indicou Patricia.

Sebastião Pereira da Silva foi interceptado e detido quando tentava atravessar a ponte internacional que liga Cobija ao Acre. EFE

gb/cdr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos