Piloto de avião sírio que caiu ontem na fronteira é achado vivo na Turquia

Ancara, 5 mar (EFE).- As forças de segurança da Turquia localizaram vivo neste domingo o piloto do avião de guerra do regime sírio que caiu ontem perto da fronteira com a Síria, informou a agência "Anadolu".

O piloto, que tinha saltado de paraquedas, foi encontrado exausto após nove horas de operações de busca e transferido inicialmente a uma delegacia de polícia, e depois a um hospital da província de Hatay, no sul da Turquia.

O avião caiu a cerca de 35 quilômetros da fronteira com a Síria.

O primeiro-ministro turco, Binali Yildirim, anunciou ontem à noite que um caça sírio MIG 21 poderia ter caído em solo turco.

"Acreditamos que um avião que pertence ao regime sírio caiu na província de Hatay (Turquia). Temos indícios de que o piloto saltou do avião. Nossas unidades realizam trabalhos de busca", acrescentou o chefe de governo.

Em relação à causa do acidente, Yildirim indicou que estas ainda não tinham sido esclarecidas, mas afirmou que as condições meteorológicas na região não eram boas.

No entanto, o grupo rebelde Movimento Islâmico dos Livres de Sham se responsabilizou ontem pela queda da aeronave e afirmou que a tinha atingido quando voava à baixa altura sobre a cidade síria de Idlib, a cerca de 50 quilômetros da fronteira com a Turquia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos