Guatemala decreta luto oficial por mortes de menores em abrigo

(Corrige sexto parágrafo).

Guatemala, 8 mar (EFE).- O presidente da Guatemala, Jimmy Morales, decretou na quarta-feira luto oficial de três dias por conta da morte de 22 meninas de um abrigo de menores e anunciou a demissão do diretor do centro.

Jimmy Morales, que deu sua primeira declaração após a tragédia que ocorreu no início da manhã de quarta na Guatemala, afirmou que ordenou a "destituição imediata" do diretor e disse que também será realizada uma investigação interna e administrativa.

Na mensagem emitida pelo Canal do governo, de menos de 2 minutos de duração, o presidente expressou seu pesar aos falecidos e suas famílias, e sua "solidariedade" com os feridos e disse que diante "da magnitude desta tragédia nacional" foram decretados três dias de luto.

Em uma mensagem à nação, Morales disse que o governo "lamenta profundamente" a tragédia e anunciou que o caso está sendo investigado para esclarecer as causas do acidente e identificar os responsáveis, mas lamentou que "os tribunais" não autorizaram a tempo a transferência de alguns menores.

"Antes do acidente foi solicitado aos tribunais para transferir imediatamente os menores em conflito com a lei para outra prisão, com o objetivo de evitar consequências maiores. O governo da Guatemala lamenta que este pedido não foi atendido no momento oportuno", disse.

Pelo menos 22 meninas morreram e outras 38 estão hospitalizadas com queimaduras de 2º, 3º e 4º graus por conta de um incêndio ocorrido no abrigo Hogar Seguro Virgen de la Asunción e que segundo as primeiras investigações, foi originado pelas próprias internas, durante um protesto onde denunciavam as agressões físicas e sexuais das que eram vítimas.

No abrigo, localizado no município de San José Pinula, há 748 menores internados, embora sua capacidade seja de 400, e entre eles além, de pequenos órfãos ou vítimas de violência, também estão integrantes de grupos criminosos, segundo denunciaram familiares dos internos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos