Governo britânico investiga aparição em trem de um programa de viagem de May

Londres, 13 mar (EFE).- O governo do Reino Unido está investigando um problema de segurança após a aparição em um trem de um documento confidencial que continha detalhes de uma viagem de trabalho da primeira-ministra, Theresa May.

Segundo o tabloide britânico "The Mirror", o documento foi achado em um vagão de primeira classe que fazia o trajeto entre Manchester, no norte da Inglaterra, e a cidade escocesa de Edimburgo, no último dia 23 de janeiro.

O papel continha informação delicada, como o domicílio no qual a chefe do governo britânico jantaria nesse dia, assim como o hotel onde se hospedaria durante várias horas e de onde faria suas ligações, segundo o jornal.

"Estamos cientes do caso do documento do governo e vamos investigar", disse nesta segunda-feira um porta-voz do governo, sem dar mais detalhes.

O plano de viagem, de duas paginas, foi achado, segundo o tabloide, por um passageiro.

Segundo o inspetor Ken Wharfe, ex-guarda-costas da família real, este é um sério problema de segurança.

"No ambiente de hoje (em referência à ameaça terrorista), é um grave problema de segurança quando documentos como este, que detalha os movimentos de uma pessoa sob proteção, é extraviado. Isto é inaceitável", acrescentou Wharfe.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos